8 previsões de tecnologia para 2017

A tecnologia contribuiu poderosamente para o sucesso do varejo mundial. E isso não mudará em 2017. Aqui podemos destacar previsões dos especialistas em tecnologia que poderão fazer enorme sucesso em 2017:

 

  1. Métodos alternativos de checkout continuarão seu crescimento.Com smartphones no gosto popular, a expansão dos códigos de barra avançados – QR-e tecnologias de imagem para digitalização de produtos, os métodos de checkout alternativos continuarão a crescer em todo o setor de varejo, diz Tony Rodriguez, CTO do “Esperamos que os varejistas para liderar o caminho com embalagens de produtos melhorados e outras opções para checkout fácil.”

 

  1. O associado da loja se tornará um centro de alta tecnologia. 

    O investimento n º 1 no varejo será o associado da loja e como transformá-los em um chamariz de conhecimento e construtor de relacionamento”, diz Bill Zujewski, vice-presidente executivo de marketing na plataforma móvel Tulip Retail. Os varejistas começaram a investir em soluções móveis que dão acesso a todo o inventário de produtos e detalhes do mesmo, mas isso já não é suficiente – em vez disso, os vendedores e gerentes da loja precisam alcançar os clientes e atrai-los para comprar, baseados em suas recentes compras. Níveis de recompensa de fidelidade e preferências de comprar é algo imprescindível nesse quesito.

 

  1. Chats se tornarão algo prioritário no varejo.Este ano é fundamental a aderência aos chats em seus meios de comunicação virtual. Recentes pesquisas informam que o cliente não anda entusiasmado com bate-papos responsivos, isso é um alerta para os varejistas mudarem suas estratégias em relação a este quesito.

 

  1. A Internet das coisas vai aumentar a eficiência da cadeia de abastecimento.“A IdC está ajudando os varejistas a conectar mundos físicos e digitais facilitando assim a comunicação em tempo real com os consumidores dentro e fora da loja”, diz Andrew Hopkins, líder da IdC no varejo da Accenture Mobility, parte da Accenture Digital.

    Alguns exemplos: Os gerentes podem usar etiquetas inteligentes para ajustar os preços em tempo real; Os sensores habilitados para IdC permitiriam aos gerentes de lojas monitorar e ajustar as configurações de iluminação e temperatura; As empresas poderiam usar sensores para automatizar funções manuais, como monitorar inventário ou alterar preços.

 

  1. A mídia social continuará a se tornar mais vendável. 

    Este ano, os varejistas continuarão com bons olhos o o conteúdo gerado pelo consumidor, com compartilhamento de fotos e hashtags transformando-se em marketing de boca-a-boca. “Vamos começar a ver mais varejistas investir em tecnologia que torna essas experiências de conteúdo mais vendável”, diz Jim Rudden, CMO da Spredfast. “Em vez de deixar a página ou o site para pesquisar e comprar os produtos que vêem nas fotos, os consumidores poderão clicar facilmente no conteúdo e comprar os produtos dentro, durante esse momento de descoberta”, diz ele.

 

  1. A convergência digital será um grande hype.O ecommerce de 2017 será sobre começar a se concentrar na convergência de uma variedade de tecnologias digitais – usando interfaces de voz, o poder de AI e avatares realistas e personalizados que suportam a experiência de compra”, diz Shirley Romig, líder global de estratégia de varejo e consultoria de marketing digital SapientNitro.
    Ecommerce irá evoluir para incluir AI-powered on-line, os vendedores serão treinados para comprar o vestido usando sua imagem exata, 3-D, ajudando ao seu comprador para dimensionar e check out via comando de voz.

 

  1. 2017 será o ano da APP de varejo.As APPs revolucionaram as indústrias ao trazerem aplicativos para consumidores como Uber, Google Maps e Pandora – agora, o varejo começou a se reestruturar”, diz Jett McCandless, CEO da provedora de tecnologia da Provider Project44, embora acrescente que ainda há passos a serem feitos na população generalizada da indústria e implementação de APPs.

 

  1. Os pagamentos móveis UX se tornarão mais transparentes.Os varejistas sabem que os consumidores querem uma experiência de compra perfeita – e as tecnologias de pagamentos móveis estão lutando para superar as lacunas. “Ele vai proporcionar maior consistência no UX em todas as plataformas de pagamento em 2017, além de aumentar as medidas de segurança e a introdução de soluções de verificação digital”, diz Cody Winton, CEO e cofundador da plataforma de identidade pessoal Credntia.

 

 

Fonte: http://www.cio.com/article/3155507/retail/8-retail-technology-predictions-for-2017.html

 

 

About the author

NerdProfeta

Cristão, marvete, nintendista, fã do Foo Fighters e rpgista.

  • Muhamadi Miojo

    Uber é bom mesmo sempre uso aqui no estado islamico,